Degravação – Transcrição de Mídias

A transcrição de áudio ou degravação consiste em extrair para o formato texto uma gravação sonora.

A utilidade e uso da transcrição é bem ampla, podendo ser imprescindível nos mais diversos eventos: reuniões empresariais, sessões plenárias, audiências, ligações telefônicas, entrevistas, treinamentos, palestras, projetos de pesquisa, congressos, entre outros.

Atualmente pode-se acompanhar vários processos e operações de justiça por diferentes mídias em que áudios são transcritos e divulgados, como de políticos, advogados em audiências.

No meio  jurídico é mais usual o serviço de transcrição ser chamado de degravação. 

A digitação no ato da transcrição é realizada de forma fidedigna, ou seja, o discurso é registrado exatamente como foi dito, o que evita qualquer questionamento pelas partes envolvidas. Durante a transcrição, é feita a identificação de cada participante e suas falas, bem como de qualquer tipo de intervenção. Assim, os tribunais podem contar com 100% de confiabilidade dos documentos transcritos, além do sigilo absoluto garantido por nossa empresa.

A excelência do serviço de Gravação e Transcrição de áudio ou Degravação é garantido através de uma equipe altamente qualificada e capacitada, e processos bem definidos. 

A Infra orgulha-se dos contratos mantidos com os Tribunais de Justiça do Distrito Federal e Territórios, Tribunal de Justiça do Paraná e Tribunal de Justiça do Mato Grosso; Tribunais Regionais Eleitorais do Distrito Federal, Tribunal Regional de Tocantins; Conselho Nacional de Justiça (CNJ); Supremo Tribunal de Justiça (STJ) e Petrobras, pelos resultados obtidos em cada um deles. 

ELABORAÇÃO DE ATAS

Elaboramos as atas consolidadas de cada evento/reunião, reproduzindo de forma sucinta, clara e inequívocos conteúdos, os pontos essenciais das discussões e cada assunto tratado, o registro da intervenção de cada orador e as decisões e encaminhamentos dados, observando a correção ortográfica e gramatical e o padrão de layout definido pelo cliente